15 de junho de 2011

Banheiros com Banheiras

Bem-estar é a palavra-chave nos dias de hoje. E um perfumado banho de banheira é perfeito quando o objetivo é relaxar. Este é um luxo cada vez mais presente em nosso cotidiano: mesmo os banheiros mais compactos já acomodam a hidromassagem. Vale até ganhar uns centímetros roubando espaço de outros ambientes da casa! Aproveite nossa seleção de 33 idéias e brinde seus sentidos com os prazeres do banho. A correria do dia-a-dia não terá vez em seu spa particular! Agora, se você acha que seu banheiro é tão pequeno, mas tão pequeno, que nunca caberia uma banheira, veja a nossa seleção de banheios minusculos (que parecem enormes...).

A hidromassagem se destaca neste ambiente, ainda mais com o contraste entre o deck de madeira escura e o branco marcante, utilizado para dar sensação de amplitude. Pastilhas de vidro esverdeadas completam a composição.
Modernizado com novas louças, o banheiro reformado manteve a distribuição e as placas de mármore branco originais da década de 1960. A banheira tem metade dela resguardada por uma chapa de vidro - justamente a porção onde se localiza o chuveiro - solução que contém os respingos d’água.


A hidromassagem, instalada em uma das laterais do espaço, tem a companhia de duas caixas de vidro temperado. Uma guarda o chuveiro, enquanto a outra acomoda vaso e bidê. Amplitude, boa iluminação e acabamentos práticos são outras características marcantes deste ambiente.

Com uma vista privilegiada para a Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro, este banheiro exibe materiais de acabamento em cores neutras e linhas retas, o que contribui para o ambiente parecer mais espaçoso: pastilhas de vidro branco e gelo em pisos e paredes, mural de mármore branco cintilante na parede junto à hidromassagem e deck de ipê ebanizado.
A banheira é totalmente independente do lavatório neste projeto. Destaca-se o limestone cinza, pedra empregada no revestimento de paredes e piso. O luxo fica por conta de dois modelos diferentes de chuveiros, que permitem a escolha do jato de água preferido ou ainda banhos simultâneos.
Para encaixar a hidromassagem este banheiro foi ampliado, valendo-se de um naco do quarto vizinho. O nicho para itens de banho, com moldura e prateleiras de mármore branco piguês, se destaca em meio às pastilhas de vidro azuis, um tom que transmite frescor. 

Com apenas 5,50 m², este projeto ganhou amplitude com a grande janela que dá vista para o mar. Pela imagem, nem é preciso dar explicações sobre o posicionamento estratégico da banheira.
Espaçoso, este banheiro possui bancada com pia dupla, banheira e, na extremidade oposta a ela, um boxe com dois chuveiros. A presença quase absoluta do branco é quebrada pelos caixilhos de peroba-rosa.
As amplas aberturas banham este projeto de luz. Para que o banheiro fosse de uso compartilhado pelo casal de proprietários, instalaram-se cubas e chuveiros duplos. A banheira e as duchas ficam isoladas em uma ampla área fechada com portas de correr. 

Os lambris a meia altura, o tapete de palha de buriti e a madeira cumaru do piso garantem um ambiente aconchegante. O branco dá o tom relaxante e aparece na bancada de mármore thassos e nas cerâmicas que circundam a banheira para duas pessoas
Este banheiro traz o vermelho que remete à paixão e à sensualidade nas cubas de resina, nas faixas de pastilha de vidro e também no filtro de luz acima da banheira. O armário suspenso acomoda cestos e é fácil de manter.
O quarto virou uma iluminada sala de banho. Ao lado da banheira de fibra de vidro, o lambri protege a parede de respingos de água. Acima da bancada, as prateleiras de vidro (10 mm) acomodam elementos decorativos sem atrapalhar a entrada de luminosidade.

Da banheira vitoriana posicionada sob a janela, é possível apreciar a vista do jardim. O requinte deste espaço perfeito para relaxar se vê no mármore branco piguês, que recobre todo o espaço.
As pastilhas de vidro trazem contemporaneidade a este projeto e ficam harmônicas com o mármore volakas. A presença da madeira aquece o espaço, e a iluminação embutida em pontos estratégicos favorece o clima intimista.
Neste banheiro envidraçado, com vista para um solário, foi alocada a banheira de hidromassagem ao ar livre. Coberto de pastilhas de um azul profundo, o piso faz contraponto à farta claridade e acrescenta requinte ao espaço. 

Este banheiro ocupa hoje parte da sala e ganhou as grandes janelas, que proporcionam um visual perfeito para curtir o banho na hidromassagem. Quase todo o espaço é revestido de mármore calacata ouro, exceto a parede atrás do espelho, de peroba lustrada, assim como o armário da bancada.
Esta espaçosa banheira de acrílico acomoda duas pessoas. Embutida nos degraus de mármore travertino bruto, material também usado no piso e na bancada, ela ganhou um delicado jardim de vasos de papiros.
Pastilhas cerâmicas na bancada, no piso e em meia parede, cestos de junco no lugar de armário e banheira de hidromassagem de estilo vitoriano. As escolhas primaram por um espaço aconchegante, mas de fácil limpeza. Por isso, as pastilhas têm rejunte de epóxi e o restante da parede foi pintado com tinta PVA. 
Aqui, materiais industriais, como o piso de concreto alisado e o janelão basculante, dialogam com peças românticas, a exemplo das delicadas pastilhas cerâmicas e da graciosa banheira de modelo antigo.
Com paredes pintadas de látex acrílico acetinado e piso de madeira, o espaço ganhou dois boxes revestidos de pastilhas de vidro: num deles ficam o bidê e o vaso sanitário e, no outro, duas duchas. Como um prolongamento da bancada de mármore espírito santo, surge a hidromassagem.
Este banheiro de 6 m² tem no branco o seu charme. Pastilhas cerâmicas revestem o piso e meia altura das paredes. O restante foi pintado de látex acrílico. Repare que a cuba tem quase o mesmo tamanho do tampo de mármore sobre o qual foi instalada.
Neste projeto, o closet saiu perdendo: boa parte dele foi integrada ao novo banheiro. Uma dica interessante: a paginação em faixas horizontais do mármore piguês, que reveste piso e paredes, minimiza o aspecto clássico da pedra. 
A dona do apartamento queria sair do banho e ir direto aos armários escolher a roupa. Para tanto, eliminaram-se os cômodos da empregada e parte da área de serviço. No lugar, surgiu este aconchegante banheiro integrado ao closet.
Um banheiro divertido e caloroso - esta é a proposta. O conjunto vibrante de cores das paredes contrasta com o azul profundo do piso de pastilhas cerâmicas. Bancada desenhada pelos proprietários
A charmosa banheira vitoriana fica sobre o piso de ipê protegido por verniz semibrilho, que torna o espaço mais aquecido, um capricho que merece cuidados: a secagem imediata do chão após o banho e o retoque do acabamento a cada ano. Brancas, as paredes contrastam com o ipê, também usado no nicho.
Aqui, o clima romântico é facilmente percebido no modelo clássico da banheira e no lustre de opalina. O mármore crema marfil completa o visual ao revestir a bancada e as outras superfícies até a altura de 1,15 m.
A união de dois banheiros deu origem a esta sala de banho. A banheira em estilo clássico é acompanhada pelo tom quente da peroba-do-campo, presente na bancada, nas prateleiras e no armário. Um detalhe que faz a diferença: também em peroba-do-campo, a moldura do espelho, com 10 cm de espessura, pode funcionar como prateleira
Com a redução de um dos dormitórios desta residência, conquistou-se o espaço para a banheira de hidromassagem de dois lugares. A peça foi colocada junto a um degrau e ganhou iluminação com filtro azul, que, segundo os princípios da cromoterapia, proporciona o relaxamento.
Neste projeto, optou-se por um modelo de banheira que pudesse ser fixado na parede chanfrada, aproveitando o máximo do espaço. Para facilitar a manutenção da peça, o vidro serigrafado é facilmente removível. Branco e verde dominam o cenário, com um mosaico de pastilhas de vidro nas paredes. 
Branco, muito branco neste elegante banheiro. Uma meia-parede de vidro separa a área da banheira e do chuveiro, impedindo que a água se espalhe no chão. Os armários sob a bancada têm rodízios e tornam fáceis a manutenção e a limpeza. Todos os acabamentos - incluindo a moldura do espelho - são de madeira laqueada
Que tal branco e preto? A clássica combinação se harmoniza perfeitamente com o deck de madeira, que abriga a pequena, porém confortável banheira. Repare ainda na diferente idéia dos espelhos divididos. Ao redor de cada um, instalou-se uma mangueira de luz na parte posterior. 
Sóbrio, este banheiro tem placas de mármore boticino nas paredes e no piso. Um boxe quase totalmente envidraçado foi encaixado ao lado da banheira de hidromassagem. Parte da iluminação indireta origina-se dos nichos que apóiam os objetos de uso diário, criando um clima de aconchego. 
Neste projeto, fez-se questão de uma banheira de hidromassagem grande e confortável. Materiais nobres como granito e porcelanato estão por toda parte e o armário de linhas clássicas ganhou puxadores de couro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário